Archive | agosto, 2013

Eu Li: A Garota que Eu Quero – Markus Zusak

27 ago

Cameron Wolfe é o caçula de três irmãos, e o mais quieto da família. Não é nada parecido com Steve, o irmão mais velho e astro do futebol, nem com Rube, o do meio, cheio de charme e coragem e que a cada semana está com uma garota nova. Cameron daria tudo para se aproximar de uma garota daquelas, para amá-la e tratá-la bem, e gosta especialmente da mais recente namorada de Rube, Octavia, com suas ideias brilhantes e olhos verde-mar. Cameron e Rube sempre foram leais um com o outro, mas isso é colocado à prova quando Cam se apaixona por Octavia. Mas por que alguém como ela se interessaria por um perdedor como ele? Octavia, porém, sabe que Cameron é mais interessante do que pensa. Talvez ele tenha algo a dizer, e talvez suas palavras mudem tudo: as vitórias, os amores, as derrotas, a família Wolfe e até ele mesmo.Imagem

Eu não li ainda “A menina que roubava livros”, e o que escreverei agora é somente sobre esse livro mesmo.

O autor tem uma jeito muito estranho de escrever. Particularmente não gosto dessas analogias espirituais que ele colocou no livro. Umas viagens existenciais nada a ver…
Achei a leitura lenta e enfadonha. Não acontecia nada de interessante no livro.
O sofrimento do garoto não tem profundidade. Do nada ele se acha um perdedor e do nada ele quer mudar, ser um vencedor na vida… e é isso.

“A Gorota que Eu Quero” é um livro curto 174 páginas, podendo ser lido em poucas horas. Sua história é simples, mas bem escrita. Eu esperava algum drama, ação, confusão e uma carga bastante intensa, mas isso não ocorre. Nem chegou perto.

Como esse blog não tem parceria com editoras, esse é minha singela sincera opinião. Gosto dos livros  da “Intrínseca”, a maioria, porém, esse aqui eu não recomendo.

Até a próxima.